Por que manter estatais?

Qualquer brasileiro, usuário dos serviços públicos, pode confirmar a falência da prestação dos serviços estatais. Nada funciona, o povo paga impostos altíssimos e recebe os mais precários serviços. Sabendo disso, por que não privatizar?

Me assusta ver pessoas que usam e reclamam dos serviços públicos defenderem a total estatização. Já te contaram que não existe serviço estatal grátis? Seus impostos deveriam manter, e muito bem, todos esses serviços. Para que você seja atendido em um hospital público, para que seu filho frequente uma escola ou universidade do governo, e para que a sociedade receba a segurança estatal, cidadãos pagaram seus impostos, portanto, os pagadores de impostos já pagaram por tudo o que o estado oferece. O rótulo é grátis, mas tudo o que é oferecido sob esse rótulo é pré-pago.

E quando tocam no assunto privatização o governo faz chantagem psicológica. Afirma que o povo brasileiro perderá os seus bens, que todo o povo será lesado pois venderão tudo a preço de bananas e etc.

A má prestação de serviços pelo estado é a justificativa dos governantes para criarem mais impostos e aumentarem outros, com a promessa de melhorar o serviço, mas no final das contas, esses recursos são usados para sustentar o estado inchado e falido, é também insumo para corrupção, compra de favores, entre outras maracutaias.

Se houver fiscalização e transparência, os leilões não serão doações. Sabemos também, que governo é muito mais eficaz fiscalizando a iniciativa privada do que gerindo empresas estatais, basta ver a quantidade de agências reguladoras e órgãos fiscalizadores que o governo possui em todos os âmbitos e que funcionam.

Se um serviço é mais bem administrado pela iniciativa privada, qual o problema em privatizar ou conceder concessões? Será que é o medo das mamatas acabarem? Ou da demissão dos inúteis que recebem sem trabalhar? Ou de secar a fonte da corrupção? Pra se ter uma ideia, o Distrito Federal tem a maior renda per capita do Brasil e não produz nada além da corrupção em larga escala.

Quando se privatiza ou se concede concessões, o estado deixa de perder dinheiro com os erros das más gestões empossadas com base em favores, deixa de perder dinheiro com a corrupção, e passa a ter lucro, pois recebe royalties, impostos, aluguéis, porcentagens e/ou qualquer outros bônus acertado em contrato.

Pare e pense nas incoerências dos discursos nacionalistas. “O petróleo é nosso”, mas a gasolina é uma das mais caras do mundo; ou “O estado garante saúde, segurança e educação, totalmente gratuitos”, mas são precários e os nossos impostos são os mais altos do mundo.

Para refletir: Já comparou o antes e o depois da prestação de serviço das empresas privatizadas? E antes que me diga, “ah, mas todos ficaram mais caro!” pare e pense mais um pouco; e se não houvesse tanta intervenção do estado? o serviço seria mais barato, fato!

O estado cria dificuldades para vender facilidades, e quem sempre entra pelo cano somos nós.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *